Átila Muniz

Sobre o Autor Átila Muniz

Átila escreve, em primeiro lugar, para ele mesmo, como se fosse um diário para reler na velhice; para se lembrar dos lugares e pessoas que marcaram suas trajetórias e suas anDANÇAS. Mas Rubem Fonseca disse que "os autores de diários, qualquer que seja sua natureza íntima ou anedótica, sempre escrevem para serem lidos, mesmo quando fingem que ele é secreto".

miradouro da casa dos contos em Ouro Preto, Brasil
Reportagem

Ouro preto: um museu a ceu aberto

Ouro Preto (a 100km de Belo Horizonte-MG) foi declarada pela Unesco patrimônio da humanidade em 1980 e é a primeira cidade brasileira a receber esse título. Do mirante do campus principal da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), no Morro do Cruzeiro, você consegue visualizar de uma só vez todo o complexo barroco da cidade, só que também se enxergam …

Ler mais 0 Comentários
Ônibus turistico Ushuaia
Locais imperdíveis

Ushuaia: o mundo não tem fim

As profecias Maias disseram que o mundo acabaria em dezembro de 2012. Nostradamus também acreditava nisso. Quase dois anos depois, o fim do mundo não chegou, mas, se você quiser bancar o profeta, pode escolher a data também. É só pegar um avião até Buenos Aires e, de lá, um vôo da empresa LAN ou Aerolíneas Argentinas para Ushuaia (pronuncia-se …

Ler mais 0 Comentários
cemitério de recoleta
Locais imperdíveis

Recoleta: eternidade passageira

No antigo Egito, acreditava-se que o espírito só continuava vivo se o corpo estivesse bem conservado. Hoje em dia, a cremação é o modo mais rápido e literal de se interpretar “do pó vieste e ao pó retornarás”, além de ser uma forma mais inteligente (embora polua o ar um pouco) de se aproveitar espaço, principalmente em cidades que crescem …

Ler mais 1 Comentário